BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Porta da Frente Christie’s leva Portugal para três continentes diferentes

Levar Portugal além-fronteiras e promover o investimento imobiliário no país é um dos principais objetivos da Porta da Frente Christie’s, que em 2019 se estende ao Oriente e reforça a confiança nos mercados já consolidados.

Foram mais de 35 as nacionalidades compradoras em 2018 e o fecho de 2019 prevê-se semelhante, uma vez que o interesse internacional em Portugal não abrandará num futuro próximo. Com a estratégia de continuar a apostar em mercados já rendidos ao país e explorar novas fronteiras, a Porta da Frente Christie’s levou a excelência e hospitalidade de Portugal a três continentes distintos nos últimos 30 dias para eventos e ações exclusivas.

  • Feira Internacional de Macau

A imobiliária portuguesa estreou-se na 24ª Feira Internacional de Macau 2019, marcando a estratégia de investimento no mercado chinês, que tem manifestado uma procura crescente por Portugal. Este primeiro passo resumiu-se não só à apresentação da carteira de imóveis da empresa, mas também a reuniões de esclarecimento sobre como investir e morar no país.

O interesse do mercado chinês tem-se sentido bastante nos últimos anos, não só através das grandes empresas, mas também por parte do investidor e cliente particular que vê no país uma excelente qualidade de vida e oportunidade para beneficiar do espaço Schengen e viajar livremente pela europa.

  • Eventos e reuniões individuais no Rio de Janeiro e São Paulo

A Porta da Frente Christie’s esteve no Brasil para o seu 26º evento, onde partilha Portugal como destino para viver e investir. O cliente brasileiro continua a apaixonar-se pelo país irmão, representando o maior comprador internacional da faturação anual da empresa. Com um evento em São Paulo no passado dia 28 de outubro e no Rio de Janeiro a 31, os dois eventos totalizaram mais de 100 participantes interessados em saber mais sobre investimento imobiliário em Portugal.

A relevância e o sucesso de vendas ao mercado brasileiro é resultado do investimento que a Porta da Frente Christie’s faz há já vários anos no Brasil, quando mais nenhuma outra imobiliária se aventurava por terras de Vera Cruz. O cliente brasileiro continua a eleger Portugal como país para uma vida nova, mais segura, com mais oportunidades e com todas as condições de excelência para a sua família.

“O cliente internacional comprou 54 casas por dia em Portugal em 2018, segundo dados do INE, o que reflete bem o interesse contínuo pelo nosso país. Os eventos e ações que fazemos além-fronteiras são muito importantes para transmitir a confiança e segurança necessárias a quem muda de país e precisa de um apoio total na sua nova casa”, afirma Rafael Ascenso, diretor-geral da Porta da Frente Christie’s.

  • Evento e parceria de sucesso na Suécia

Aliados ao parceiro Christie’s da Suécia, marcámos presença pela segunda vez na cidade de Estocolmo em 2019: um evento único no dia 6 de novembro para apresentar e promover Portugal como destino de investimento, que contou com a abertura do Embaixador de Portugal Henrique Silveira Borges e vários momentos de networking com o potencial cliente sueco.

São mais de 3.000 os suecos que trocaram o frio nórdico pelos 250 dias de sol de Portugal desde 2009 e descobriram as nossas praias, campos de golfe e hospitalidade portuguesa. Posicionando-se num segmento médio alto, o cliente sueco teve um preço médio de aquisição de cerca de 1.300.000€ em 2018 e preferiu localizações mais próximas do mar e natureza, como Sintra e Cascais, segundo dados da Porta da Frente Christie’s.

“Lisboa oferece o que nenhuma outra capital europeia pode oferecer: uma experiência cosmopolita no centro da cidade e, a apenas 20/25 minutos, uma experiência completamente diferente perto do oceano. Enquanto que no centro histórico de Lisboa temos acesso a todas as infraestruturas de uma metrópole – restaurantes, cultura, comércio e restaurantes – nas zonas de Sintra e Cascais pode-se viver em paz, sentir a brisa do mar e as montanhas, desportos ao ar livre, etc. Essas duas experiências, tão diferentes e inspiradoras, são separadas apenas por alguns quilómetros”, reforça o diretor-geral.

Check Also

Cascais em família: os melhores locais para ir com crianças

A Linha de Cascais, ou Costa do Sol, é o roteiro mais costumeiro de pais ...